Deus me fez esquecer – Gn 41.51

  • Sumo

Não te esqueças de seus benefícios – Sl 103.2

Ministrado no Culto de Doutrina – IEAD Mamanguape

INTRODUÇÃO: Diante das dificuldades dos dias atuais, e das lutas que o cristão enfrenta, se faz necessário compreender a razão de esquecer, como também de lembrar das bênçãos recebidas.

1- É preciso mudar o passado

Como alguém pode mudar o passado de uma pessoa? Seria isso possível?
Vivendo um presente de sucesso, certamente o passado será esquecido!
Pois se o passado reflete em nosso presente, quando nos deparamos com um passado tenebroso, perturbador, se faz necessário esquecer dele no presente para altera-lo!

1.1- Uma coisa faço, e é que esquecendo-me das coisas que para traz ficam, e avançando para as que estão diante de mim, prossigo para o alvo… Fp 3.13,14

a- É necessário esquecer das Perseguições!

b- É necessário esquecer o sofrimento!
         “Porque te esqueceras dos trabalhos, e te lembrarás deles como das águas que já passaram” Jó 11.16

           b.1-  como posso posso esquecer?
                => Pedir socorro – (v.13).
                      1º- “Se tu preparaste o teu coração estende, a tua mão para Ele”.
                => Largar o pecado – (v.14).
                      1º- “Se há iniqüidade na tua mão, lança-a para longe de ti”.

            b.2- a minha vida passa por uma mudança, quando esqueço!
                 => o meu presente é: (17).
                       1º- “E a tua vida mais clara se levantará do que o meio dia;
                       2º- ainda que haja trevas, será como a manha”.

                 => o meu futuro será: (v.18)
                       1º- “E terás confiança, porque haverá esperança;
                              = Secanias disse a Esdras: “… ainda há esperança”
                       2º- olharás em volta, e repousaras seguro

2- lembrando das Bênçãos de Deus

2.1- As misericórdias do Senhor – Lm 3.21, 22
           “disto me recordarei, por isso tenho esperança” v.21
           “as misericórdias são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não tem fim” v.22

a- Deus não nos trata como merecemos
b- As misericórdias são bênçãos que recebemos

2.2- Não se esquecendo dos benefícios do Senhor! Sl 103.2
a- Ele é quem perdoa. v.3
       > perdoar é esquecer: “Deus me fez esquecer”
       > “Perdão” é limpar a conta, cancelar a divida.
       > “riscando a cédula … cravando-a na cruz. Cl 2.14

b- Ele é quem cura. v.3
       > Em Mara: “Eu sou o Senhor que te sara.” Ex 15.26,27
       > Ninguém morrerá antes do tempo. Ex. 23.25,26

c- Ele é quem salva. v.4
d- Ele é quem nos coroa. v.4
e- Ele é quem nos abençoa. v.5
f-  Ele é quem nos renova. v.5
g- Ele é a nossa justiça diante do nosso inimigo. v.6

2.3- Duas coisa que eu jamais posso esquecer:
> A misericórdia e a Graça de Deus

Qual a diferença entre misericórdia e Graça?
Simplificando:
> Misericórdia é Deus não nos castigando como merecemos!
> Graça é Deus nos abençoando sem merecermos!

Conclusão:

Pr. Arquimedes Gomes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *